top of page
  • Foto do escritorSobretrilhos

Sindicato dos Metroviários aceitam oferta do Metrô e greve termina em SP

Apesar de criticada, a proposta do Metrô contou com o apoio da direção do sindicato dos metroviários e finalizou a greve que já durava 34 horas em São Paulo.

Sindicato dos Metroviários confirmou o fim da Greve em São Paulo

Os Metroviários de São Paulo realizaram uma assembleia na manhã de hoje, (24/03), aceitando a proposta do Metrô para finalizar a greve que já durava 34 horas em São Paulo.

Desta maneira, a categoria retorna ao trabalho durante o dia e a expectativa é que as estações abram os portões para seu pleno funcionamento.


Na assembleia votaram 1.480 membros pelo fim da greve, e 1.459 foram contra.

Segundo o sindicato, a proposta foi menor que o esperado, no entanto, a categoria assegura que se saiu fortalecida para a Campanha Salarial de 2023, mesmo indicando que as conversações não foram bem atendidas pelo governador Tarcísio de Freitas, ao falar da falta de dinheiro para pagar o abono. Ainda assim, esse abono de R$ 2.000,00 será pago em 14/4/2023, bem como iniciadas as negociações da Participação nos Resulçtados de 2023, esse último pago somente em 2024.


Há também o compromisso de não haver punições ou descontos por faltas durante a greve, devendo os metroviários voltarem aos seus postos de trabalho o mais rápido possível, sendo garantidos, também, os Steps pagos em julho deste ano.


Por último, o Governo de São Paulo também informou que o Metrô vai retomar as operações em sua totalidade, normalizando, desta forma, o funcionamento das operações para benefício da população.







bottom of page